domingo, 18 de dezembro de 2011

Relato de parto


Olá, pessoal!
Depois de alguns dias sumida da internet, estou de volta!
Justificativa? O nascimento do meu lindo Bernardo! Sim! Ele nasceu na última segunda-feira (12/11) às 22:06 pesando 3.230kg e medindo 48cm.
Contrariando minhas espectativas de que ele viraria dentro de minha barriga e encaixaria para um parto normal, o Bê decidiu continuar sentado. Ao completar 38 semanas, meu médico resolveu que seria melhor optarmos pala cesária. E foi realmente a melhor decisão que tomamos... Deus sabe de todas as coisas e sempre age para o nosso melhor...

Meu parto

Cheguei a Santa Casa na segunda por volta das 19h. Dei entrada na papelada e fui para o quarto juntamente com meu marido. Ficamos lá aguardando, pois meu médico estava realizando um outro parto.
Por volta das 21:30h, após receber algumas instruções e trocar de roupa, fui levada em uma maca até a sala de cirurgia. Lá, recebi perfusão de soro e ocitocina, além de ter meus batimentos monitorados continuamente.
Então, recebi a anestesia, que, aos poucos, foi tornando o meu corpo (desde a barriga até os pés) totalmente anestesiados... Gente! E aqui foi a pior parte pra mim... Ir deixando de controlar meus movimentos, sentir uma pressão na cabeça e ter a nítida sensação de que estavam mexendo na minha barriga, mas sem distinguir direito o que acontecia! Uhhh... Me dá calafrios até agora...
Mas... Tinha de ser assim.
A equipe médica foi fantástica. Todos conversavam comigo. E o meu maridão estava ali do meu lado pra me apoiar. Imprescindível!
A verdade é que meu parto foi bastante complicado. O Bernardo estava sentado e ainda com o cordão umbilical com duas voltas no pescoço (isso ninguém sabia...). Mas, enfim, ele nasceu. A cabecinha foi a última a passar. E, depois de alguns segundos angustiantes, ele chorou (e eu chorei mais ainda de alívio e gratidão a Deus).
Depois disso, ele foi mostrado a mim e levado para alguns procedimentos enquanto a equipe fazia a sutura.
E o que é a sensação pós-cirúrgica... Senti muito, muito frio mesmo, embora estivesse com um cobertor bem grosso. Depois, uma coceira incontrolável no rosto... E algumas horas até que voltasse minha sensibilidade.
Mas, o pior estava por vir...
A pediatra de plantão, que inclusive será a pediatra dele, prometeu que ele seria levado até o meu quarto dentro de três ou quatro horas. Só que eu fui para o quarto, o efeito da anestesia passou, eu tomei banho, lanchei e nada do meu filho. Passei a madrugada pensando no pior, mas orando para que Deus tirasse aquele sentimento de mim e guardasse o meu bebê.
Somente às seis da manhã, após passar a noite em claro, fiquei sabendo que ele havia tido dificuldades em se adaptar ao novo meio e, com problemas para respirar, havia ficado sob observação. Ainda meio tonta, fui levada para vê-lo. Meu coração disparou ao ver meu pequenino com aquela sonda... Mas, graças ao Senhor, tudo havia terminado bem.
Por volta das dez da manhã, meu bebê pode ficar comigo definitivamente. Foi uma bênção de Deus!
Comecei a amamentá-lo e ele me derreteu com aqueles olhinhos lindos e com uma força de sucção incrível! rsrs
No dia da nossa alta, ele estava meio amarelinho, então, pedi à pediatra que o deixasse um pouco no banho de luz. Fomos para casa no dia seguinte. E desde então, estou curtindo ao máximo meu tempo com esse presente de Deus: meu Bê!

"Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito". (Romanos 8:28)



2 comentários:

  1. Bah guria não imaginei que tinha passado por isso, mas fico feliz que tudo acabou correndo bem, Deus abençõe grandemente sua familia.bjs
    Kelly (GRAVATAÍ-RS)

    ResponderExcluir
  2. Olá amigo, seu blog foi selecionado para ser um Blogueiro responsável. Selecionamos os blogs mais influentes dentro de cada área, e estamos convidado os mesmos para participar da campanha de Marketing Digital da Casa Ronald McDonald RJ. Caso você queira participar, pedimos que envie um email para midiassociais@casaronald.org.br para que possamos explicar melhor como funcionaria!
    Será um prazer ter seu blog como parceiro da Casa Ronald McDonald. Abrace a casa. Esperamos seu contato.
    Abraços

    ResponderExcluir